30 de set de 2010

Swans - My Father Will Guide Me Up A Rope To The Sky


A Swans finda o hiato de treze anos que vinha se formando desde o lançamento de Soundtracks For The Blind, em 1996, álbum que serviu como prelúdio para a turnê de despedida da banda. Michael Gira reuniu antigos membros da Swans e alguns distintos convidados para gravarem My Father Will Guide Me Up a Rope To The Sky. Dentre os convidados encontramos Devendra Banhart e Grasshopper (pseudônimo de Sean Mackowiak da banda Mercury Rev). A serenidade dança inclemente reexaminando de modo sardônico a anatomia pungente do corpo sonoro criado pelos Swans em seu último trabalho. A filha de Gira, com apenas 3 anos de idade, faz uma participação no álbum cantando uma parte de You Fucking People Make Me Sick junto com o Devendra Banhart. Para a tristeza de muitos a Jarboe não está na lista dos antigos membros da banda convidados para gravar o álbum.

http://www.mediafire.com/?8hlxarlw46k3322

- Biu -

26 de set de 2010

Dilute - Grape Blueprints Pour Spinach Olive Grape


Os californianos da Dilute lançaram em 2001 o álbum considerado por muitos seu magnum opus: Grape Blueprints Pour Spinach Olive Grape. Certamente a voz nasalada de Marty Anderson com um leve acréscimo de drive nos falsetes e um instrumental, com melindrosos e brandos bpms, composto pelas guitarras com brilho enfático de Anderson e Ian Pellicci, o baixo precisamente comedido de Colla e a bateria convulsivamente etérea de Jay Pellicci tornam a Dilute uma banda especial dentre tantas outras do gênero math rock ao qual os músicos eram associados. De modo geral as composições de Grape Blueprints Pour Spinach Olive Grape são mais esótericas do que as do primeiro álbum da banda The Gypsy Valentine Curve. Há uma sensação de serenidade incrustada nas faixas somada com leves espamos de agressividade, causando uma impressão ora melancólica ora jubilosa. Um pouco tempos depois do lançamento Marty Anderson foi diagnosticado com Doença de Crohn e a banda encerrou as suas atividades. Após o término, os outros membros participaram de outras bandas como 31knots, Crime in Choir e até mesmo do projeto solo de Anderson, Okay, iniciado após a sua melhora.

http://www.mediafire.com/?26qbn0cqjf6zrjk

- Biu -

13 de set de 2010

The Durutti Column - Dry

Durutti Column é uma banda inglesa lançada pela lendária gravadora independente Factory. Tal gravadora foi responsável por uma verdadeira revolução na música pop ao longo dos anos 80.


Anos antes, o mundo havia conhecido o fenômeno chamado punk que foi particularmente influente na ilha, mas foi justamente na transformação que esse estilo "sofreu" que fez da Factory uma das mais bem sucedidas gravadoras, lançando grandes sucessos como Joy Division, New Order, Happy Mondays e o próprio Durutti Column.

Inserido no contexto do pós-punk que foi uma guinada do estilo antecedente para temas mais introspectivos, com um tom mais melancólico e de arranjo mais experimental, esta banda seguiu em vanguarda, podendo ser considerada como uma das referências primais de diversas outras que anos mais tarde entrariam no circuito do rock alternativo.

Observação: A faixa 11, Otis, está presente na trilha sonora do filme 24 Hours People Party, filme que conta a história da gravadora de Manchester, e que inclusive nele, um personagem que interpreta Vini Reilly, toca uma música na Haçienda, igualmente lendária casa de shows pertencente a Factory.

D.D.