23 de nov de 2009

Zs - Music of the Modern White



Esse mini álbum dos Zs foi certamente uma das coisas mais interessantes que tive a oportunidade de ouvir entre as coisas lançadas nesse ano. O minimalismo de Music of the Modern White é belamente computado e intenso, permeado por interessantes nuances timbrísticas. Os Zs propõem um belo passeio nos lugares mais remotos dos campos harmônicos à despeito do curto espaço de tempo, o passeio é todo estranhamente tonal acompanhado por interessantes ruídos. No Music of the modern white os Zs realizaram uma exploração de timbres maior em relação às realizadas nos álbuns predecessores é também notável uma preocupação mais acentuada em relação à construção de texturas harmônicas. Os Zs não experimentam como cientistas em busca de um objeto que se coadune à lei da causa e efeito, mas como músicos que pretendem explorar outras possibilidades do som. Afinal, o próprio emprego do termo experimental ao referir-se a arte revela uma atribuição vazia e inautêntica à tarefa empreendida pelo artista. Porque a arte não é busca num sentido científico investigativo, não é possível buscar resultados baseados em testes, não faz sentido para a arte tal pretensão porque o conhecimento que temos de suas realizações é claro mas nunca pode ser inteligível num sentido técnico e científico. Há experimentos no processo de criação de qualquer obra de arte, mas o experimento por si só jamais garantirá o resultado na criação de uma obra artística. O experimento fica restrito ao nível de experimento, é só uma etapa, não o resultado.



http://hotfile.com/dl/18416580/e7f7837/music_of_the_modern_white.zip.html

-Biu-

Nenhum comentário: